Novas receitas

Twinkie fala para evitar o fracasso na liquidação e mais notícias

Twinkie fala para evitar o fracasso na liquidação e mais notícias

No mix de mídia de hoje, Anthony Bourdain derrama tudo, além de por que os americanos são obcecados por abóbora

O Daily Meal traz para você as principais notícias do mundo da alimentação.

Twinkies podem ser oficialmente feitos: As negociações com o sindicato dos padeiros fracassaram e a marca vai pedir a um juiz de falências permissão para fechar definitivamente. [Semana de negócios]

Perguntas e respostas ao vivo de Anthony Bourdain: Leia a transcrição do Gawker para obter a opinião de Bourdain sobre o último Sem reservas, chefs famosos e Dia de Ação de Graças (é claro). [Gawker]

A Grande Abóbora: A razão pela qual as pessoas são tão obcecadas por abóboras, dizem os pesquisadores, é a "sensação de abóbora" em relação ao sabor ou nutrição. [NPR]

Entrega do Burger King ?: O Burger King já está testando a entrega em Miami, Houston e Washington, D.C. [Huffington Post]

Que bom que tem um peru recheado com Twinkie: Kennedy Tavern da cidade de Nova York afirma que serve peru Twinkie há anos. [CBS]


O presidente do Bakers Union não está otimista quanto à mediação de hostess

O chefe do sindicato dos padeiros, cuja greve precipitou os planos de liquidação da Hostess Brands Inc., diz que "não está muito otimista" sobre a sessão de mediação destinada a dar à panificadora uma última chance de sobrevivência.

Em uma entrevista na terça-feira à tarde, o presidente do Sindicato Internacional de Bakery, Confeitaria, Tabaco e Grain Millers, Frank Hurt, que não está participando da mediação realizada em Nova York na tarde de terça-feira, disse que não ouviu "nenhuma palavra" sobre como as negociações estão indo. Mas ele não acredita que um acordo será alcançado para evitar a liquidação da fabricante de Twinkie porque seus membros não estão preparados para aceitar as concessões trabalhistas que a Hostess diz que precisa para sobreviver.

A Hostess, que já fechou sua fábrica e paralisou seus trabalhadores, está em negociações de última hora na tarde de terça-feira para chegar a um acordo para salvar a empresa de 85 anos. Após a greve do sindicato dos padeiros, que começou em 9 de novembro, a empresa buscou a aprovação do tribunal em uma audiência na segunda-feira para iniciar o processo de liquidação, mas foi persuadida pelo juiz Robert Drain do Tribunal de Falências dos Estados Unidos em White Plains, NY, a negociar com o união mais um tiro.

Se as negociações fracassarem, 18.500 trabalhadores, incluindo 5.600 membros do sindicato de padeiros, provavelmente perderão seus empregos.


Provável liquidação da hostess porque a mediação falha

NOVA YORK (CNNMoney) - A Hostess Brands disse na noite de terça-feira que uma última sessão de mediação com seu sindicato de padeiros sobre um novo contrato imposto no tribunal de falências fracassou, levando a empresa mais perto da liquidação.

A hostess disse em um breve comunicado que a sessão de mediação "não foi bem-sucedida" e que não tinha mais comentários antes de uma audiência marcada para quarta-feira de manhã no tribunal de falências, onde solicitou permissão para liquidar.

Jeff Freund, advogado do sindicato dos padeiros, não quis comentar, citando as regras básicas de mediação.

Na sexta-feira passada, a administração anunciou o fechamento da Hostess. Eles compareceram perante o juiz de falências dos EUA, Robert Drain, na tarde de segunda-feira, buscando aprovação para liquidar e vender os ativos da empresa. Mas Drain disse que queria que as partes tentassem uma última vez chegar a um acordo, servindo como mediador na sessão de terça-feira.

Drain disse que estava motivado pela perspectiva de salvar cerca de 18.500 empregos na Hostess, fabricante de Twinkies e Wonder Bread.

Apenas um dia de palestras foi agendado. O CEO da Hostess, Greg Rayburn, disse na segunda-feira que a empresa precisaria de uma resposta do sindicato dos padeiros sobre se aceitaria o novo contrato até o final do dia de terça-feira.

Com o fracasso das negociações da terça-feira, a liquidação e a perda dos empregos da Anfitriã pareciam prováveis.

O sindicato dos padeiros, que representa 5.000 dos 18.500 funcionários, entrou em greve em 9 de novembro para protestar contra um novo contrato que impunha cortes de salários e benefícios. Outros sindicatos, incluindo a Irmandade Internacional de Teamsters, aceitaram o acordo.

"Como dissemos na sexta-feira quando a empresa anunciou que estava fechando, este é um desfecho trágico e nossos pensamentos e orações vão para todos os membros Teamster Hostess e todos os funcionários Hostess", disse o secretário-geral tesoureiro do Teamsters, Ken Hall, em um comunicado na terça-feira.

Se a empresa entrar em liquidação, suas marcas e receitas serão vendidas para levantar fundos para pagar os credores.

Na segunda-feira, a firma de private equity Sun Capital Partners disse à Fortune que quer comprar a Hostess como uma empresa em funcionamento. Reabriria as fábricas fechadas, mantendo as operárias Hostess e seus sindicatos.

Mas outros competindo pelos direitos dos produtos da Hostess poderiam simplesmente produzi-los em suas próprias instalações, deixando os ex-funcionários da Hostess desempregados.


10 dicas para o bolo “Lambie” de cordeiro da Páscoa retrô perfeito

É hora do Bolo de Cordeiro. Nas últimas duas semanas, tenho feito bolo de cordeiro após bolo de cordeiro na forma de bolo de cordeiro vintage da minha avó. Porque? Bem, depois que esta história foi publicada no Wall Street Journal, um monte de pessoas maravilhosas me enviaram e-mails com receitas vintage e dicas para me ajudar na minha busca para fazer o bolo de cordeiro perfeito. & # 160 Tenho que admitir que estava muito animado, decidi experimentar o máximo de receitas e dicas que pude.

E eles funcionaram !! Deixe-me dizer-lhe, depois de um pequeno contratempo no início, tudo correu bem, e nem um único cordeiro perdeu a cabeça! & # 160 Então, como muitas pessoas têm me enviado e-mail perguntando mim para obter ajuda, pensei em compartilhar todas as dicas que testei com vocês para que todos possam ter cordeiros ótimos também!

1. Unte o HECK de sua assadeira de cordeiro.

Não posso enfatizar o quão importante isso é. & # 160 Algumas das frigideiras vintage para cordeiro, como a minha, têm tantos detalhes minúsculos que se você não pegar cada canto e fissura, você vai acabar em um desastre em suas mãos. Algumas pessoas escreveram para mim e recomendaram Baker’s Joy ou Pam na lata de spray, mas no final eu descobri que aplicar liberalmente encurtamento com uma toalha de papel e examinar cuidadosamente cada pedaço era o melhor caminho a seguir. Pode ser demorado, mas sempre me deu um bom resultado.

2. Enfarinhar sua frigideira é OBRIGATÓRIO!

Tenho que admitir, muitas vezes eu untei uma forma de bolo e pulei a etapa da farinha, ou usei uma panela caseira (que é apenas farinha e gordura misturada) para fazer tudo de uma vez. Isso não funciona com os cordeiros. Você precisa de ambas as etapas para garantir que o cordeiro saia na hora do corte. & # 160 E certifique-se de ficar de olho nas manchas “nuas” depois de enfarinhada e repare naquelas com mais gordura. Pular a farinha pode acabar em desastre, então, para evitar lágrimas e lágrimas, a farinha é obrigatória!

3. Encha seu cordeiro no lado “rosto” do molde.

Coloque o cordeiro virado para baixo em uma assadeira grande ou assadeira. Encha o cordeiro até a borda da forma com a massa de bolo escolhida. Certifique-se de espalhar a massa suavemente nas cavidades das orelhas para garantir que o cordeiro realmente fique com orelhas. Se você não fizer isso, não há garantia de que a massa encherá as orelhas durante o cozimento.

E cordeiros sem orelhas parecem muito, muito estranhos. Confie em mim.

4. Adicione suporte ao seu bolo de cordeiro antes está cozido.

Esta é a hora de adicionar seu suporte estrutural ao seu bolo de cordeiro. Uma das receitas que foi fotocopiada de um grande livro de receitas e enviada para mim afirmava, de uma forma prática, que a cabeça do seu bolo de cordeiro estava fadada a rolar, e não eu precisava me preocupar com isso. Ele alegou que você poderia usar palitos de dente e glacê para colar de volta e tudo ficaria ótimo. O que é uma espécie de mentira. Qualquer pessoa que já fez um bolo de cordeiro e teve a cabeça arrancada sabe que é um procedimento delicado colá-lo. Você precisa de um monte de glacê pegajoso e alguns milhares de palitos de dente e, quando terminar, o cordeiro parece estar usando um suporte para o pescoço. E mesmo depois de um patch de trabalho você fica nervoso quando chega a hora de cumprir.

Serei o primeiro a dizer que NÃO precisa ser esse o caso. Sim, é possível que a cabeça do bolo rolar, mas as chances serão bastante reduzidas com algumas colocações rápidas de palito de dente. O cordeiro precisa de um palito em cada orelha e do espeto ou palheta de bambu mais grosso que você possa encontrar para o pescoço. O espeto deve ser colocado a cerca de 2,5 cm do topo da cabeça e se estender pelo corpo. Eu fiz isso com todas as receitas de bolo de cordeiro que testei, e não tive um único rolo de cabeça. Pique ligeiramente no bolo e certifique-se de que estão cobertos com massa.

5. Amarre sua forma de bolo de cordeiro com barbante de padeiro.

Tenho uma certa vergonha de admitir que esse conselho, que recebi de várias pessoas maravilhosas, foi uma revelação completa para mim. Se você pode acreditar nisso, eu costumava assar meus cordeiros em dois pedaços separados e tentar colá-los com glacê. Porque? Bem, porque se você colocar a parte de cima sem nenhum barbante, o bolo não sobe para a segunda metade do molde. Simplesmente tudo escorre pelas rachaduras e faz uma bagunça completa. Disseram-me que os moldes de cordeiro mais antigos eram de ferro fundido pesado, e isso não costumava ser um problema. O molde de cordeiro que tenho, e tenho certeza que muitas pessoas usam, é feito de alumínio e não é pesado o suficiente para ficar fechado sozinho. Mas alguns pedaços de barbante robustos, bem amarrados, eliminam o vazamento e permitem que o bolo cresça até a segunda metade.

Certifique-se de que suas cordas estão firmes e mantenha o molde fechado! Mesmo pequenas lacunas podem permitir que a massa vaze.

6. Asse o bolo pelo tempo máximo exigido na receita.

Depois que seu cordeiro está bem amarrado e apertado, a menos que você tenha sorte o suficiente para ter um molde Renalde vintage, realmente não há uma maneira de verificar se o bolo de cordeiro é feito no centro ou não. Depois de puxar um bolo que estava completamente cru no meio, decidi que a menos que você conheça seu forno e tenha feito sua receita tantas vezes que saiba exatamente quanto tempo leva, é melhor deixar o bolo no máximo tempo exigido na receita.

7. Esfrie o bolo adequadamente antes de removê-lo do molde.

Seu cordeiro vai quebrar se você tentar sacudi-lo muito cedo. O melhor método que encontrei é este: deixe seu cordeiro esfriar por 15 minutos depois de retirá-lo do forno. Em seguida, corte os fios no molde e remova apenas a metade posterior. Deixe esfriar por mais 15 minutos antes de virar o cordeiro e tentar remover o rosto.

8. Afrouxe as bordas do lado do rosto completamente antes de tentar tirar a frigideira do cordeiro.

Seu cordeiro, se feito corretamente, conterá açúcar, e o açúcar é pegajoso. Principalmente o açúcar caramelizado nas bordas da panela. Passo uma faca afiada nas bordas do bolo de cordeiro e, com cuidado, puxo o bolo da borda para me certificar de que está livre. Se você pular isso, as coisas não vão correr bem. Essas orelhinhas finas vão ficar crocantes e completamente grudadas na borda da panela. E já vimos como o cordeiro ficará mudo sem orelhas, não foi?

9. Deixe seu cordeiro esfriar completamente antes de tentar congelá-lo.

Eu sei eu sei. Você quer colocar o otário de pé agora, porque está orgulhoso de como ele saiu inteiro. Mas você deve esperar. Se você tentar fazê-lo se levantar agora, ele simplesmente vai desmoronar. Descobri que demorou cerca de 90 minutos após o desengate final para os cordeiros esfriarem o suficiente para sentar-se eretos.

10. Dê ao seu cordeiro uma boa base para sentar.

A mesma faca afiada que você usou para soltar seu cordeiro é útil mais uma vez. Use-o para cortar a crista inferior criada pelo molde. Isso dará ao cordeiro uma boa base sólida. Além disso, lembre-se de que será necessário um pouco de cola para ficar na posição vertical. Use uma faca para espalhar uma boa quantidade de glacê sobre a base que você planeja colocar no cordeiro. Em seguida, pegue delicadamente o cordeiro e coloque-o diretamente sobre a faixa de cobertura e certifique-se de que está preso.

E aí está! Seu bolo de cordeiro retrô perfeito, pronto para glacê e decoração!


Atualizações ao vivo

“É por isso que compramos seguro, para que todos os nossos ativos não fossem engolidos pelos custos da casa de saúde”, disse Sproule.

Na liquidação, as apólices serão canceladas e o fundo de garantia cuidará de sinistros no valor de US $ 300.000. “Acabamos sofrendo uma perda de cerca de 48%”, disse Sproule. O casal levou 18 anos para aumentar o valor de suas apólices para US $ 573.000 cada. Sproule disse que tinha certeza de que era tarde demais para sair e comprar cobertura para substituir o que haviam perdido.

Imagem

“Provavelmente não somos seguráveis”, disse ele. “Você compra seguro de assistência de longo prazo quando você é jovem e saudável, porque é assim que você paga o prêmio mais baixo.”

Eles também foram incentivados por um programa financiado pelo governo federal no qual os estados instavam seus residentes a comprar seguro de assistência a longo prazo. O objetivo era evitar que o Medicaid fosse oprimido por dezenas de milhões de baby boomers idosos.

Os Sproules, a Sra. Leonard e todos os demais segurados do Tratado da Pensilvânia passaram os últimos nove anos em um estranho limbo jurídico. Os reguladores de seguros do estado da Pensilvânia fizeram a primeira petição ao Tribunal da Comunidade da Pensilvânia para ordenar a liquidação em 2009, que é o procedimento padrão.

Mas então o manual padrão foi jogado pela janela. Multidões de agentes de seguros contestaram a petição no tribunal. Isso porque, enquanto o Penn Tratado ficasse fora da liquidação, eles continuariam recebendo suas comissões de vendas, as quais disseram ter direito constitucional.

As seguradoras de saúde também lutaram contra a liquidação. Os fundos de garantia do Estado, ao que parece, não são financiados de forma alguma. Quando uma seguradora quebra, todas as empresas sobreviventes nesse ramo de negócios são obrigadas a entrar no fiador, com avaliações baseadas em sua participação no mercado.

O seguro de assistência a longo prazo é classificado como seguro saúde, portanto, as seguradoras de saúde receberiam a avaliação - mesmo aquelas que evitaram o seguro de assistência a longo prazo e nunca venderam uma única apólice. Eles ficaram horrorizados por ter que pagar pelos erros de outras pessoas.

Parte da oposição mais veemente veio da controladora corporativa do Penn Treaty, Penn Treaty American Corporation de Frisco, Texas. Seu presidente-executivo, Eugene J. Woznicki, disse que a seguradora era viável e poderia ser posta de pé novamente se apenas os reguladores de seguros estaduais concederia aumentos de taxas adequados. Em ações judiciais, ele culpou o Departamento de Seguros da Pensilvânia em particular.

“O comissário tem deferência”, disse ele em uma entrevista. “Ele pode tomar decisões que acredita serem as corretas e não ser desafiado.”

Acontece que os problemas financeiros do Penn Treaty datam de pelo menos 2001, quando a empresa percebeu que suas reivindicações eram maiores do que o esperado. Os executivos trabalharam com os reguladores em um “plano de ação corretiva”, que incluía capital novo, resseguro e uma série de aumentos de taxas. Mas as taxas de seguro são aprovadas estado por estado, e enquanto alguns concederam os aumentos prescritos, outros (incluindo a Pensilvânia) não o fizeram.

“Este caso apresenta uma séria acusação ao sistema existente de regulação de taxas de seguro de cuidados de longo prazo”, disse a juíza Mary Hannah Leavitt em um parecer de 2012. Ao se recusar a conceder o aumento da taxa, a Pensilvânia “mostrou que a regulamentação das taxas é governada pela política, não por evidências atuariais ou princípios legais”.

O plano de reabilitação de 2001 pode ter sido uma causa perdida, mas as coisas acontecem lentamente neste ramo do negócio de seguros. Enquanto os problemas do Penn Tratado aumentavam, seus negócios de seguro offshore davam a ele uma aparência de normalidade. A maior, com uma resseguradora em Dublin, removeu mais de US $ 1 bilhão em passivos do balanço patrimonial do Penn Tratado, fazendo com que parecesse robusto, apesar do vacilante plano de ação corretiva.

E então, na turbulência financeira de 2008, o Penn Treaty e sua resseguradora irlandesa tiveram um desentendimento. A Penn Tratado teve de retomar o passivo de US $ 1 bilhão, abrindo um buraco em seu balanço patrimonial. Aquele foi o começo do fim. Um ano depois, o Departamento de Seguros da Pensilvânia disse que a situação era irrecuperável e pediu ao tribunal uma ordem de liquidação.

“Foi a melhor opção”, disse o porta-voz do Departamento de Seguros, Ron Ruman. “A empresa não era viável e isso daria o máximo de proteção legal aos consumidores”.

Mas a disputa judicial continuou por quase nove anos antes que o juiz Leavitt finalmente ordenasse a liquidação, em março. Durante esse tempo, a condição financeira do Penn Treaty piorou ainda mais. E por nove anos, os segurados não sabiam se sua seguradora estava viva ou morta - mas eles continuaram recebendo aquelas cartas instruindo-os a continuar pagando seus prêmios mensais ou eles perderiam tudo.

Os segurados que já haviam se mudado para asilos ou outras instalações de assistência tiveram seus sinistros pagos durante o processo.

Mas aqueles que ainda não fizeram a mudança, como Leonard, em alguns casos sofrerão perdas. Eles estão esperando agora para saber quanto. Alguns estados limitam o alívio do fundo de garantia em US $ 100.000. Outros, como Califórnia e Connecticut, garantem US $ 500.000 e mais. Diz-se que Nova Jersey não tem limite algum, mas alguns analistas questionam essa promessa, especialmente se outra grande seguradora de assistência a longo prazo falhar.

“Tenho certeza de que falo por todos: estamos todos confusos”, disse Leonard, membro aposentado do corpo docente da Nova Southeastern University. Ela disse que pediu atualizações sobre os processos judiciais de nove anos, mas achava que era uma ação coletiva. Ela ficou surpresa ao saber que era outra coisa.

“Se este não foi um processo de ação coletiva, então por que não foi?” ela disse. “É preciso haver um processo de ação coletiva. Parece-me que eles precisam ser um exemplo e fazer com que honrem suas políticas ”.


Binging With Babish tem os seguintes tropos:

  • 420, Blaze It: Andrew admitiu que gosta de fumar "cigarros Jazz" de vez em quando, então ele não iria deixar passar as piadas quando lançou um vídeo em 20 de abril de 2021. Durante o processo de criação do Espaço Bolo de Alta manutenção, ele acha curioso que tanto o óleo vegetal quanto a manteiga tenham uma cor curiosamente verde. No final do episódio, ele vai all-in e fica totalmente assado depois de comer uma fatia do bolo.
  • Escrita acidentalmente correta: freqüentemente invocada, quando até ele parece surpreso com o fato de que pratos que provavelmente foram projetados por um roteirista de TV em uma pausa para o almoço acabam tendo um gosto muito bom. Um em particular foi o Twinkie Wiener Sandwich, onde, apesar de seus ingredientes simples, aparentando natureza Cordon Bleugh Chef e aparência de Pesadelo Nutricional, na verdade tinha um gosto muito bom, e mesmo sua tentativa de "melhorá-lo" resultou em algo que ele achou menos apetitoso.
  • Recurso aliterativo adicionado: Numerosos exemplos:
    • O episódio 61 (The Wire) se destaca.

    • Ele faz "donuts japoneses tradicionais" da dublagem inglesa de Pok & eacutemon para seu episódio de 1º de abril de 2019. (Ele faz riceballs de verdade no dia seguinte.)
    • No vídeo que lançou em 31 de março de 2020, ele cria a Torta Imaginária a partir de Gancho usando um conjunto imaginário de ingredientes e o processo de criação da torta. A torta só se torna real depois de totalmente feita. Ele mostra o processo de criação real depois, ao mesmo tempo em que mostra a filmagem imaginária no canto e se certifica de cometer as mesmas idiotices e erros para imitar a filmagem perfeitamente. note Também havia um pouco de Real Life Writes the Plot lá: era uma receita fácil de fazer e ele e Jess estavam se recuperando de uma doença na época.
    • 2021 teve duas piadas:
      • Seu vídeo semanal de terça-feira de 31 de março começa imitando os anúncios em vídeos do YouTube para realmente anunciar o lançamento de sua linha de utensílios de cozinha Babish. O botão "Pular" no canto inferior fez a contagem regressiva até "ERROR 404 - PARTE DO VÍDEO - GOTCHA"
      • Em 1º de abril propriamente dito, é sugerido que Alvin de "About To Eat" se esgueirou na casa de Andrew às 3 da manhã para preparar a nota "Gotcha Pork Roast", que é um prato de batata apresentado como um porco assado, de acordo com o de abril Espírito tolo de Food Wars!.
      • Por um tempo, o tema de abertura da série foi "Saladas e ovos mexidos".
      • Durante o episódio em il timpano de Grande noite, ele menciona que assistiu ao programa por seis horas enquanto cozinhava.
      • Foi feito um especial depois da morte do co-estrela John Mahoney.
      • Em um episódio, ele começa a discutir com seu cameraman se Daphne ou Roz são mais gostosas.
      • Ele às vezes usa os episódios do programa como unidades de medida para os tempos de cozimento.
      • Nos comentários de seu vídeo com o tema Bob's Burgers, um comentarista observou que ele soa como um Bob Belcher descongestionado.
      • Isso se torna mais engraçado quando H. Jon Benjamin, a voz de Bob, colaborou com Babish em um vídeo de coquetel.
      • o Peep Show rum, água, alface, vinagre e coquetel de sal é a primeira receita exata de coquetel de show que Babish fez e afirmou categoricamente que não havia como torná-lo bom.
      • Da mesma forma, a massa de sobremesa no café da manhã é a primeira filme receita que Andrew nem mesmo tentar melhorar. O vídeo termina com ele forçando uma mordida antes de mudar para massa normal para tirar o gosto.
        • Para rir, é uma das receitas que ele fez incluir em seu livro de receitas Coma o que você assiste. A sinopse no topo da receita desaconselha prepará-la.
        • "Deixe esses sabores se conhecerem."
        • "Vamos ao básico" para Básico com Babish.
        • "Podemos fazer melhor" sempre que ele vai aprimorar uma receita que não funciona na vida real, como as bolas salgadas de chocolate ou os Moonwaffles.
        • "Raspe todas as coisas boas do fundo da panela."
        • "Eu sinto que estou dizendo muito 'tipo de comida'", geralmente seguido por ele tentando dar um nome diferente que falha rapidamente.
        • Ele solta um destes depois de se cortar acidentalmente usando um bandolim sem guarda-mão. Bastante adequado, considerando que o episódio cobriu os alimentos de Parque Sul.
        • Acontece novamente durante um episódio de Estar com babish depois que ele tenta provar um pouco de uísque fermentado enfiando o dedo diretamente em uma cuba fervente com a substância.
        • Acontece como uma referência à famosa mordaça de corrida "Corn Baller" no Desenvolvimento detido episódio.
        • O panini do carro de Peter Griffin acabou deixando uma bagunça em seu carro e era muito vil para dar uma segunda mordida. Ele tentou recriá-lo na cozinha, mas as combinações de chocolate de Reese, Cadbury Creme Eggs e Doritos ainda eram demais para engolir.
        • O Every Meat Burrito foi feito com a coleta de 18 tipos diferentes de carnes exóticas, incluindo crocodilo, cascavel, canguru e até testículos de touro. Ele literalmente não conseguia engolir nada porque a maioria das carnes precisa ser devidamente cozida por horas a fio para realçar seu sabor ou textura. Ele tentou refazê-lo usando apenas vários tipos de carne de porco ao estilo mexicano e acabou fazendo um burrito ainda maior que estava delicioso.
        • A Salada Durante a Noite é composta por alface, queijo, suco de limão, muita maionese, muitas passas, muita pimenta, cachorro-quente e batatas fritas afogadas em cerveja de raiz e coberto com biscoitos nota destinada a ser os croutons, pizza, ainda mais maionese e uma cereja marasquino. Em suma, uma mistura aleatória empapada de doce e salgado envolta em maionese com infusão de cerveja. Mesmo deixando de fora a moeda de 25 centavos e não simulando a pernoite no radiador alegando que não queria morrer por causa de uma paródia de receitas terríveis dos anos 50, Andrew achou essa monstruosidade de salada absolutamente revoltante.
        • No episódio do Shake de $ 5, Andrew decide fazer a nota do "milkshake mais caro do mundo", que ele modela após um milkshake semelhante do Serendipity 3 de Nova York, produzindo, em última instância, um shake que Andrew estima que custaria cerca de $200 nota em 2019 dinheiro.
        • Além disso, o "sanduíche perfeito" de Jake, que na versão de Babish continha um bife e uma galinha inteira da Cornualha, entre outras coisas.
        • invocado Depois de fazer o famoso chili de Kevin, Andrew decide ir mais longe (porque, como ele afirma, ele se preocupa com a precisão e fidelidade ao material de origem) e o serve de maneira adequada: derramado sobre um tapete. Um "tapete de poli-fibra de baixa qualidade", como você veria em um escritório, para ser mais exato.
        • O Sanduíche da Morte não é nada para espirrar (é uma boa quantidade de carne), mas não vai te matar se você comer errado. Para concretizar a ideia de uma refeição potencialmente letal, Andrew pede a ajuda do Chef Masaharu Morimoto para adicionar fugu para o sanduíche, um peixe que vai absolutamente matá-lo se não for preparado adequadamente.
        • Enquanto estavam em Nova Orleans, Babish e Rashid se esforçaram para investir tempo e energia para fazer um remake da turnê gastronômica de Homer em Nova Orleans.
        • Ao fazer Eggs in a Nest, Andrew conseguiu atrapalhar o processo de fabricação do pão 5 vezes antes de decidir medir por peso em vez de volume e acertou na primeira vez.
        • No episódio "Pizza de Deadpool", ele começa o processo de colocar a massa da pizza na bancada oleada. apenas para perceber uma vez que está no balcão que ele esqueceu um passo importante. Especificamente, disse óleo.
        • Ele faz ladyfingers caseiros e creme para o tiramisu do Superbad e o monta totalmente, apenas para perceber que, ao pegá-lo, montou a bandeja de bolo de forma errada e a coisa toda simplesmente cai no chão.
        • Os sanduíches de bagel de Universo Steven significa que ele pode fazer seus próprios bagels, já que o sanduíche é comum.
        • The Raspberry Pasty de Formiga e vespa nada mais é do que um Entenmann's Raspberry Danish Twist comprado em uma loja. Andrew afirmou que não tinha nenhum desejo de tentar melhorar a perfeição, e apenas queria uma desculpa para fazer doces para Jess.
        • O "Broodwich" de Aqua Teen Hunger Force é uma desculpa para fazer carnes caseiras para o almoço.
        • Lampshaded na introdução do episódio Chicken Kiev.

        Por que a Thomas Cook desmoronou após 178 anos no mercado?

        Por que Thomas Cook faliu após 178 anos no mercado? A resposta imediata é que não foi possível garantir um salva-vidas de £ 200 milhões de seus banqueiros, incluindo o RBS, de propriedade do governo.

        Mas, na verdade, as desgraças do operador turístico são muito mais antigas - uma vítima de uma fusão desastrosa em 2007, o aumento das dívidas e a revolução da Internet nas reservas de férias. Adicione a incerteza do Brexit e talvez seja apenas uma questão de tempo até que o gigante da indústria entre em colapso.

        Em maio, o grupo relatou um prejuízo de £ 1,5 bilhão, com mais de £ 1 bilhão amortizados na fusão de 2007 com a MyTravel - mais conhecida por suas marcas Airtours e Going Places.

        Esse acordo deveria criar um gigante europeu, prometendo economia de custos de £ 75 milhões por ano e um trampolim para desafiar rivais emergentes da Internet. Na realidade, a Thomas Cook estava se fundindo com uma empresa que só havia lucrado uma vez nos seis anos anteriores, e o negócio sobrecarregou o grupo com enormes dívidas.

        O colapso de Thomas Cook não é porque os britânicos pararam de tirar férias. Longe disso: 60% da população tirou férias no exterior em 2018, contra 57% no ano anterior. É a forma como tiramos férias que mudou, com o número de férias na cidade superando significativamente as férias na praia.

        Os beneficiários são Ryanair, easyJet e Airbnb, com todos os seus clientes reservando online. Os perdedores são as empresas de pacotes de férias acorrentadas a caras cadeias de lojas. Thomas Cook possui cerca de 560 lojas de rua.

        Agora, apenas um em cada sete de nós vai a uma agência de viagens para comprar férias, de acordo com a agência de viagens Abta. Aqueles que o fazem tendem a ter mais de 65 anos e pertencer a grupos socioeconômicos mais baixos, com menos dinheiro para gastar.

        O grupo anglo-alemão Tui, o maior rival da Thomas Cook, sofreu com tendências semelhantes, emitindo vários avisos de lucro durante 2019. Mas tem dívidas muito menores, sendo dono de muitos de seus próprios hotéis e navios de cruzeiro e, sem dúvida, pode ver um aumento conforme necessário em ex-clientes da Thomas Cook, a preços mais elevados.

        A crise climática também teve impacto. Uma onda de calor em toda a Europa em maio de 2018 reduziu drasticamente a demanda de feriados, pois os clientes atrasaram as decisões de feriados enquanto desfrutavam de temperaturas recordes em casa. Então, em 2019, Thomas Cook disse que os clientes britânicos estavam adiando os planos de viagem para o verão por causa do agravamento da incerteza em torno do Brexit - e da maneira como ele atingiu o poder de compra da libra esterlina no exterior.

        A Thomas Cook sobreviveu por pouco a uma experiência de quase morte em 2011. Sua pilha de dívidas já havia chegado a £ 1,1 bilhão e só sobreviveu após uma injeção de dinheiro adicional de emergência - mas também significou ainda mais dívidas para o serviço.

        Desde 2011, a Thomas Cook pagou £ 1,2 bilhão em juros, o que significa que mais de um quarto do dinheiro que cobrou pelos 11 milhões de feriados que vendeu todos os anos foi para o bolso dos credores.

        Houve - pelo menos por alguns anos - um salvador corporativo, na forma do grupo chinês Fosun International, dirigido por Guo Guangchang, um bilionário considerado o chinês Warren Buffett.

        A Fosun comprou sua primeira participação na Thomas Cook em 2015, como parte de um plano para construir um conglomerado global de férias e entretenimento, já tendo adquirido o Club Med da França e o Cirque de Soleil do Canadá.

        Em agosto, Thomas Cook publicou detalhes de uma reestruturação planejada, que incluía uma injeção de dinheiro de £ 450 milhões da Fosun em troca de uma participação majoritária no grupo - o que também exigia que os bancos cancelassem £ 1,7 bilhão em dívidas. Outros acionistas existentes seriam eliminados.

        Foi esse negócio que desmoronou no fim de semana. Não foi surpreendente que o machado caiu no final de setembro, como a maioria dos operadores turísticos, Thomas Cook desfruta de entradas de receita na primeira metade do ano, enquanto os turistas reservam suas férias de verão, mas saídas consideráveis ​​no outono e inverno, quando os voos e hotéis devem ser pagos para.

        Alguns anseiam pela nacionalização. Os críticos dizem que o custo dos voos de resgate e compensação pode superar em muito os £ 200 milhões de que Thomas Cook precisava para sobreviver mais um dia. Mas o governo se recusou a intervir, argumentando que, como a companhia aérea falida Monarch, era puramente uma questão comercial em uma empresa individual e que os clientes estariam protegidos pelo esquema de proteção e seguro Atol.

        Como era diferente há 70 anos. Thomas Cook foi considerado uma parte da estrutura da vida britânica que foi nacionalizado em 1948, após enfrentar a falência durante a segunda guerra mundial. Permaneceu em mãos públicas, como parte da British Railways, até 1972. Mas agora foi destruído em grande parte pela Internet e pela mudança de moda, que se apressou na tentativa de financiar uma dívida impossível.


        Thomas Cook desmaia, deixando 150 mil turistas no Reino Unido

        Thomas Cook parou de negociar depois que as negociações falharam em produzir um financiamento salva-vidas para a empresa de viagens em dificuldades, colocando 9.000 empregos britânicos em risco e desencadeando um enorme esforço de repatriação para trazer para casa 150.000 turistas britânicos no exterior.

        A Autoridade de Aviação Civil anunciou às 2h da manhã de segunda-feira que a companhia de férias mais antiga do mundo havia entrado em liquidação e que todos os voos e reservas haviam sido cancelados.

        “O Thomas Cook Group, incluindo a operadora de turismo e a companhia aérea do Reino Unido, encerrou as negociações com efeito imediato”, disse o regulador da aviação em um comunicado. “Todas as reservas da Thomas Cook, incluindo voos e feriados, foram canceladas.”

        A administração oficial foi programada para as primeiras horas, quando o maior número da frota de 94 aviões estava no solo.

        Peter Fankhauser, Thomas Cook’s chief executive, said the tour operator’s collapse was a “matter of profound regret” as he apologised to the company’s “millions of customers, and thousands of employees”.

        The government and the CAA have now triggered the UK’s largest ever peacetime repatriation – codenamed Operation Matterhorn – to bring holidaymakers home.

        Speaking to reporters on his plane heading to the UN general assembly in New York, Boris Johnson hinted at possible government action against directors of travel firms who presided over bankruptcies. The prime minister said that in the wake of the collapse of the budget airline Monarch and Thomas Cook, it was time to “reflect on whether the directors of these companies are properly incentivised to sort such matters out”.

        Johnson said it did not seem the government could have done more to help, for example agreeing to Thomas Cook’s request for a £150m bailout. “It is a very difficult situation, and obviously our thoughts are very much with the customers of Thomas Cook, the holidaymakers, who may now face difficulties getting home,” he said. “We will do our level best to get them home.”

        The Guardian understands that airlines including British Airways and easyJet will be involved in the airlift for holidaymakers using Thomas Cook, whose destinations range from mainland Europe to north Africa, the Middle East, the US and the Caribbean.

        The foreign secretary, Dominic Raab, said on Sunday that the government had contingency plans in place for passengers and sought to reassure holidaymakers that they would not end up stuck overseas. The company had appealed to ministers for a bailout but Raab said the government did not “systemically step in” unless it was in the national interest.

        “We would wait to see and hope that [Thomas Cook] can continue but in any event, as you would expect, we’ve got the contingency planning in place to make sure that in any worst-case scenario we can support all those who might otherwise be stranded,” Raab told the BBC.

        A last-ditch meeting at a law firm in central London between Thomas Cook executives and stakeholders including the firm’s largest shareholder, Chinese conglomerate Fosun, came to a close after 5pm on Sunday, ending talks that began at 9am.

        The tour operator is understood to have made a number of proposals, including asking lenders to reduce a £200m demand for extra funding and for credit card companies to release about £50m of cash they are holding as collateral against Thomas Cook bookings.

        Thomas Cook’s chief executive, Peter Fankhauserleft the meeting through the City law firm’s loading bay flanked by colleagues without saying anything about the deal. He also stayed quiet when asked if he had any message for customers trapped abroad.

        No comment from Thomas Cook’s CEO Peter Fankhauser as he left out of the loading bay of Latham & Watkins law firm following crunch talks over the company’s future pic.twitter.com/tjzRbbP220

        &mdash Kalyeena Makortoff (@kalyeena) September 22, 2019

        Thomas Cook has struggled to cope with a £1.7bn debt burden. The 11th-hour meeting came after the company had agreed a £900m bailout – but was then told to find another £200m, which proved a step too far.

        Meanwhile, Thomas Cook holidaymakers were anxious that they might be evicted from their hotels or charged again for their holidays. Holiday companies do not normally pay hotels until up to 90 days after guests have left.

        Customers at a hotel in Tunisia reported being locked in by security guards as the hotel demanded extra money, fearing it would not be paid by Thomas Cook. However, the company said the dispute had been resolved and holidaymakers were able to leave the hotel.

        Check-in counter of Thomas Cook airlines at Gatwick airport. Photograph: Amer Ghazzal/Rex/Shutterstock

        Thomas Cook also attempted to reassure worried customers that their package holidays were protected under the Atol scheme, which guarantees the bookings of package holidaymakers. Atol covers holiday accommodation as well as return flights if customers are abroad at the time of a collapse. Future bookings are also protected.

        The total cost of holidaymakers’ guarantees to be paid by the Atol scheme – underwritten by the Civil Aviation Authority watchdog – is an estimated £600m now that the company has gone bust.

        The business, which also has significant operations in mainland Europe, employs 21,000 people, including 9,000 in the UK. It has a total of 600,000 people on holiday currently, including British travellers, with Germany and Scandinavia among its major customer bases alongside Britain. It also operates about 560 shops on UK high streets.

        The history of Thomas Cook

        Thomas Cook owes its name to a humble and deeply religious 32-year-old cabinet-maker who, one June morning in 1841, hiked the 15 miles from his home in Market Harborough to Leicester, to attend a temperance meeting.

        The former Baptist preacher believed that the ills of Victorian society stemmed largely from alcohol and, presumably fatigued from his walk, realised he could deploy the power of Britain’s flourishing rail network to help spread the word.

        Addressing the temperance meeting, he suggested that a train be hired to carry the movement’s supporters to the next meeting in Loughborough.

        Thus, on 5 July 1841, some 500 passengers travelled by a special train for the 24-mile round trip, paying a shilling apiece.

        Over the next few years, Cook laid on ever more trains, introducing thousands of Britons to train travel for the first time. The first such outing to be run for commercial purposes was a trip to Liverpool in 1845.

        Over the next decade or so, the business expanded to offer overseas trips, to France, Switzerland, Italy and beyond, to the US, Egypt and India.

        His more business-minded son John expanded the tour operator and its reach was such that the government enlisted its expertise in an effort, ultimately in vain, to relieve General Gordon at the siege of Khartoum in 1885.

        John’s three sons inherited the business, which incorporated as Thos Cook & Son Ltd in 1924 and benefited from the increasing ease of international travel.

        Its first flirtation with collapse came during the second world war, when the government requisitioned some of its assets and it was sold to Britain’s railway companies, effectively a nationalisation.

        But it boomed in the postwar years as growing prosperity fuelled the appetite for holidays and it returned to private ownership in 1972.

        Since then, it has changed hands and changed shape via a series of mergers and takeovers. It nearly collapsed in 2011 but averted its demise with a bailout deal funded by banks.


        MarketWatch’s top 10 stories, Nov. 12 - 16

        SAN FRANCISCO — For a few weeks before the election, things looked OK on the global economic front. Most manufacturing surveys showed some gains, and other economic data painted a picture of moderate, but noticeable growth in many parts of the globe.

        But since the re-election of President Barack Obama, that picture seems to have dissolved like a mirage on a highway in the summer.

        Stocks are weakening, signs are that global growth is bumpy and the crises that plagued the world economy over the summer — the euro zone debt crisis and questions about China’s growth, — are rearing their heads again. Add to that concerns about the fiscal cliff, or the fiscal slope, or whatever its name should be, and that’s a recipe for more uncertainty if not actual declines.

        The Dow Jones Industrial Average DJIA, +0.55% added 45.93 points or 0.4% to close at 12,588.31 on Friday, but still ended the week with a 1.8% loss. The Standard & Poor’s 500 Index SPX, +1.06% finished the day with a gain of 6.55 points or 0.5% to close at 1,359.88. For the week the benchmark index lost 1.5%. The Nasdaq Composite Index COMP, +1.77% rose 16.19 points or 0.6% to finish at 2,853.13 on Friday but lost 1.8% on the week.

        Check in to MarketWatch over the weekend for all the news you need to organize your portfolio and your life. We’ll have full coverage of any developments on the fiscal cliff negotiations and preparations by stores for the coming Black Friday shopping day. MarketWatch has just launched a new section on retirement, where you’ll find all the news, data and advice you need to plan for your post-work years. Visit Marketwatch’s retirement section now.

        Also, please have a look at MarketWatch’s videos giving a preview of what’s ahead next week.

        — Christopher Noble, assistant managing editor.

        Constructive start

        Top congressional Democrats and Republicans said Friday they had a constructive meeting with President Barack Obama aimed at averting the fiscal cliff of tax hikes and spending cuts set to kick in at the beginning of the year. Leaders call fiscal cliff talks constructive.

        Cost of the cliff

        By now, you’ve probably heard of the high-stakes budget standoff that Republicans and Democrats have to resolve by year-end. If they fail, an automatic $500 billion tax hike will kick in that will affect nearly all Americans in some way. But what’s the view from the bottom of the fiscal cliff? And how much would it cost you? What a fiscal cliff plunge would cost you.

        Cliff hogwash

        You’ve seen the scary headlines warning of an economic disaster heading our way. You’ve heard the overheated rhetoric, and seen fiscal countdown clocks. It’s hogwash. Nothing much will happen to the economy on Jan. 1 or Jan. 2 or Jan. 3, despite the expiration of tax cuts and the automatic reductions in federal spending. Stop calling it a fiscal cliff.

        Retirement cliff

        One of the biggest risks that retirees and pre-retirees face is that tax policy will change and throw a big wrench into their plans. Well, that risk — in the form of the fiscal cliff — is now upon us and retirees and pre-retirees must now develop a plan of action for their portfolio. Retiring on the edge of the fiscal cliff.

        High yield, lower appeal

        Investors are shifting toward investment-grade bonds and out of high-yield bonds as the year comes to a close and as falling yields are weighing on the appeal of reaching toward the riskiest form of U.S. debt. Investors move out of junk to higher-grade debt.

        Too high

        A company that creates medical-marijuana dispensing machines says its stock is getting way too high. Medbox US:MDBX shares surged 3,000% this week — from roughly $4 Monday to $215 Thursday — before falling to $100 after executives sought to dampen investor enthusiasm. Marijuana dispenser stock gets too high.

        Twinkie blues

        Those looking to stockpile cases of Twinkies may have to act quickly. Just hours after Hostess Brands closed its business Friday, legions of junk-food addicts began cleaning out supermarket shelves and online retailers. How to stockpile Twinkies.

        No sure thing

        If the U.S. becomes the world’s largest oil producer within the next decade, the energy market landscape will undergo some radical changes that may ultimately succeed in easing some of the volatility it’s been known for — but the nation will still rely heavily on imports. U.S. oil independence isn’t a sure thing.

        Money bags, not sand bags

        U.S. stocks have lost 4% so far this month. Fretful investors are selling winners to position their portfolios against tax changes the White House and Congress may make on capital gains and dividend income to avoid the so-called fiscal cliff. Against this uncertain backdrop, it’s useful to look for companies that have fortified their balance sheets. Eight companies you didn’t know had so much money.

        Quebra-cabeça

        The missing piece of the economic puzzle, the one thing that has made this recovery so much weaker than previous ones, may finally be falling into place: The housing market appears to be in a sustained recovery from what can only be called a depression. Housing’s comeback looks real.

        Leia a seguir

        Leia a seguir

        ‘Yesterday was a crazy day!’ says Coinbase official, in apology for ‘unreliability of our site/apps’ during crypto chaos

        Coinbase's Chief Product Officer issues a mea culpa on Thursday, a day after the popular investing platform was among a number of venues facing glitches and outages during a brutal crypto selloff.


        Healthy Eating: Next Steps!

        This guide has provided you with all of the tools you need to start making healthier choices, but if you are looking to go a bit further…

        #1) Our 1-on-1 Online Coaching program: a coaching program for busy people to help them make better food choices, stay accountable, and get healthier, permanently.

        You can schedule a free call with our team so we can get to know you and see if our coaching program is right for you. Just click on the image below for more details:

        #2) Liked the video we showed in today’s guide? Want to watch more like them live and get your questions answered? Join Nerd Fitness Prime!

        Nerd Fitness Prime is our premium membership program that contains live-streamed workouts with NF Coaches, a supportive online community (with many like minded people trying to eat better), group challenges, and much more!

        #3) Join The Rebellion! We have a free email newsletter that we send out twice per week, full of tips and tricks to help you get healthy, get strong, and have fun doing so.

        I’ll also send you tons of free guides that you can use to start leveling up your life too:


        Assista o vídeo: Water Twinkie nice (Janeiro 2022).