Novas receitas

Paula Deen zarpa

Paula Deen zarpa

A estrela da Food Network, Paula Deen, está em alto mar no Cruzeiro Paula Deen, em janeiro de 2013 para uma viagem de sete noites de conforto sulista pela América Central.

A viagem, a bordo de um fretado Royal Caribbean navio, o Mariner of the Seas, será um caso de família, com o marido de Deen, Michael, e o filho Bobby se juntando a ela. O cruzeiro especial, que é independente da Royal Caribbean e administrado por Alice Travel, uma operadora de turismo independente, navegará entre Galveston, Texas, e Cozumel, México, com escalas em Roatan, Honduras e na Cidade de Belize, Belize, de 27 de janeiro a 3 de fevereiro.

Embora Paula Deen não esteja cozinhando no navio, ela está hospedando uma enorme quantidade de eventos e demonstrações para os passageiros, como sessões de perguntas e respostas e Refeições Not Your Mama ', onde seu filho Bobby Deen estará tomando um pouco da bebida de Deen - pratos calóricos e explicando como transformá-los em receitas mais saudáveis.

A família Deen, incluindo o marido, filho e tio Bubba de Deen, também está dando uma festa do Super Bowl, onde o ex-atacante defensivo do Buffalo Bills Bob Tatarek responderá a perguntas de passageiros de navios de cruzeiro.

Bônus adicionais para os passageiros do navio são presentes personalizados da Deen, sacolas com brindes, coquetéis particulares e fotos com a estrela da culinária.

Os ingressos para o cruzeiro Paula Deen custam a partir de US $ 1.980 para uma cabine com ocupação individual. Os passageiros também podem comprar bilhetes para uma festa pré-cruzeiro no Hilton Galveston Island Resort, onde os hóspedes podem se deliciar com um jantar de churrasco do Texas por US $ 35.


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs ligaram para a empresa e se inscreveram para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios cortaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne de porco Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217 Hoje show entrevista A Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira estão em jogo, e seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de poder retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força contra minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens vão ter que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs têm ligado para a empresa e se inscrito para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios soltaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne suína Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217 Hoje show entrevista A Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira estão em jogo, e seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de poder retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força contra minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens vão ter que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs ligaram para a empresa e se inscreveram para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios cortaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne de porco Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217 Hoje Mostrar entrevista Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira em jogo estão seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de poder retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força contra minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens vão ter que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs ligaram para a empresa e se inscreveram para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios soltaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne suína Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217s Hoje show entrevista A Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira estão em jogo, e seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens terão que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs ligaram para a empresa e se inscreveram para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios soltaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne suína Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217 Hoje Mostrar entrevista Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira em jogo estão seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de poder retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força contra minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens vão ter que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs têm ligado para a empresa e se inscrito para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios cortaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne de porco Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217s Hoje show entrevista A Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira estão em jogo, e seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força minha cabeça que me mata. Por favor. Quero conhecê-lo. & # 8221 Ela acrescentou: & # 8220I & # 8217m não mudando & # 8212 há & # 8217 alguém maligno por aí que viu o que eu trabalho e queria. & # 8221

Quando questionada se ela sabia que a palavra com N era ofensiva para os negros, Deen & # 8212 aparentemente inconsciente do significado histórico da palavra & # 8212 respondeu: & # 8220Eu não sei. Já me perguntei isso tantas vezes. É muito angustiante para mim entrar na cozinha e ouvir como esses jovens estão se chamando. & # 8230 Acho que para esse problema ser resolvido, esses jovens vão ter que assumir o controle e começar a mostrar respeito uns pelos outros. & # 8221


Fãs de Paula Deen se aglomeram em seu cruzeiro para mostrar apoio

O lutador chef da TV embarcará com cerca de 1.000 convidados no próximo ano, diz um executivo de uma agência de viagens com sede em Nova Jersey.

Erin Carlson

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

  • Compartilhe este artigo no Facebook
  • Compartilhe este artigo no Twitter
  • Compartilhe este artigo por e-mail
  • Mostrar opções de compartilhamento adicionais
  • Compartilhe este artigo na versão impressa
  • Compartilhe este artigo no comentário
  • Compartilhe este artigo no Whatsapp
  • Compartilhe este artigo no Linkedin
  • Compartilhe este artigo no Reddit
  • Compartilhe este artigo no Pinit
  • Compartilhe este artigo no Tumblr

Onde outro Paula Deen patrocinadores estão caindo como moscas, uma pequena agência de viagens em Nova Jersey que cuida das reservas para o & # 8220Paula Deen Cruise & # 8221 continua a apoiar a ex-personalidade da Food Network em meio à demanda popular.

Phyllis Loverdi, vice-presidente da Alice Travel de Fairfield, N.J., disse The Hollywood Reporter que desde que os problemas de Deen & # 8217s começaram, os fãs ligaram para a empresa e se inscreveram para excursões em janeiro de 2014 e outra para o verão daquele ano, possivelmente em julho, que estavam em fase de pré-escândalo. & # 8220Alguns querem ir em ambos, & # 8221 disse Loverdi, acrescentando: & # 8220Alguém disse que ela nunca faria um cruzeiro e iria neste com Paula. & # 8221

O Paula Deen Cruise é realizado em navios da Royal Caribbean, e Deen permanece a bordo durante cada excursão, passando muito tempo com os convidados, diz Loverdi. O último cruzeiro partiu em janeiro com cerca de 500 fãs para o passeio. Loverdi disse que espera cerca de 1.000 no total para o próximo ano. Deen lançou sua linha de cruzeiros em 2009.

No início desta semana, um representante da Royal Caribbean Ltd. disse THR que a empresa & # 8220 nunca teve uma sociedade ou qualquer associação formal com Paula Deen. Ela navegou com nossas marcas algumas vezes, mas como anfitrião de cruzeiros em grupo, e em todas as vezes, os grupos foram reservados por meio de uma agência de viagens específica, não pela Royal Caribbean. & # 8221

Enquanto isso, Deen, 66, está vendo seu império criado por ela mesma desmoronar ao seu redor. Nos últimos dias, muitos de seus parceiros de negócios cortaram a estrela da culinária depois que ela admitiu ter usado a palavra com N (e outras revelações) durante um depoimento em um processo por discriminação movido por um ex-funcionário de um restaurante. Na semana passada, a Food Network disse que não renovaria seu contrato quando ele expirasse no final do mês. Então, na segunda-feira, ela perdeu seu contrato de patrocínio com a empresa de carne de porco Smithfield, que por muitos anos vendeu um presunto com o nome e rosto de Deen & rsquos. Depois disso, outros seguiram: Walmart, Home Depot e Caesars Entertainment na quarta-feira, horas depois do choro de Deen & # 8217 Hoje show entrevista A Target e a fabricante de medicamentos para diabetes Novo Nordisk na quinta-feira estão em jogo, e seus acordos com QVC, Sears e Kmart.

Ao mesmo tempo, as vendas de seu próximo livro de receitas, Paula Deen e rsquos Novo Testamento: 250 receitas favoritas, todas iluminadas, dispararam ao topo da tabela de vendas da Amazon & # 8217s antes de seu lançamento em outubro. E vários dos parceiros de negócios da Deen & # 8217s emitiram cartas de apoio esta semana, incluindo a Epicurean Butter e a Sandridge Food Corporation.

Durante sua reunião com Matt Lauer, Deen negou enfaticamente as acusações de racismo, dizendo: & # 8220Se alguém por aí que nunca disse algo que gostaria de retirar, se você estiver lá, pegue essa pedra e jogue-a com força my head that it kills me. Por favor. I want to meet you.” She added: “I’m not changing — there’s someone evil out there who saw what I worked for and wanted it.”

When asked whether she knew the N-word was offensive to black people, Deen — seemingly unaware of the historical significance of the word — responded: “I don’t know. I have asked myself that so many times. It’s very distressing for me to go into kitchens and hear what these young people are calling each other. … I think for this problem to be worked on, these young people are gonna have to take control and start showing respect for each other.”


Paula Deen Fans Flock to Her Cruise to Show Support

The struggling TV chef will set sail with about 1,000 guests next year, says an executive at a New Jersey-based travel agency.

Erin Carlson

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

Where other Paula Deen sponsors are dropping like flies, a small travel agency in New Jersey that handles booking for the “Paula Deen Cruise” continues to stand by the embattled former Food Network personality amid popular demand.

Phyllis Loverdi, vice president of Fairfield, N.J.-based Alice Travel, tells The Hollywood Reporter that since Deen’s troubles began, fans have been calling the company and signing up for excursions in January 2014 and another one for the summer of that year, possibly in July, that were in the works pre-scandal. “Some want to go on both,” said Loverdi, adding: “Somebody said she would never go on a cruise and would go on this one with Paula.”

The Paula Deen Cruise is held on Royal Caribbean ships, and Deen remains aboard during each excursion, spending much time with guests, says Loverdi. The last cruise set sail in January with about 500 fans along for the ride. Loverdi said she expects about 1,000 in total for next year. Deen launched her cruise line in 2009.

Earlier this week, a rep for Royal Caribbean Ltd. told THR that the company “has never had a partnership or any formal association with Paula Deen. She has sailed with our brands a couple of times, but as host of group cruises, and each time, the groups were booked through a specific travel agency, not through Royal Caribbean.”

Meanwhile, Deen, 66, is watching her self-made empire crumble around her. In the past few days, many of her business partners have cut the culinary star loose after she admitted to having used the N-word (and other revelations) during a deposition in a discrimination lawsuit brought by a former restaurant employee. Last week, the Food Network said it would not renew her contract when it expires at the end of month. Then, on Monday, she lost her endorsement deal with pork company Smithfield, which for many years has sold a ham with Deen&rsquos name and face on it. After that, others followed: Walmart, Home Depot and Caesars Entertainment on Wednesday, hours after Deen’s tearful Hoje show interview Target and diabetes-drug maker Novo Nordisk on Thursday hanging in the balance are her deals with QVC, Sears and Kmart.

At the same time, sales of her forthcoming cookbook, Paula Deen&rsquos New Testament: 250 Favorite Recipes, All Lightened Up, have skyrocketed to the top of Amazon’s sales chart ahead of its October release. And several of Deen’s business partners issued letters of support this week, including Epicurean Butter and Sandridge Food Corporation.

During her sit-down with Matt Lauer, Deen emphatically denied charges of racism, saying: “If there’s anyone out there that has never said something that they wish they could take back, if you’re out there, please pick up that stone and throw it so hard at my head that it kills me. Por favor. I want to meet you.” She added: “I’m not changing — there’s someone evil out there who saw what I worked for and wanted it.”

When asked whether she knew the N-word was offensive to black people, Deen — seemingly unaware of the historical significance of the word — responded: “I don’t know. I have asked myself that so many times. It’s very distressing for me to go into kitchens and hear what these young people are calling each other. … I think for this problem to be worked on, these young people are gonna have to take control and start showing respect for each other.”


Paula Deen Fans Flock to Her Cruise to Show Support

The struggling TV chef will set sail with about 1,000 guests next year, says an executive at a New Jersey-based travel agency.

Erin Carlson

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

Where other Paula Deen sponsors are dropping like flies, a small travel agency in New Jersey that handles booking for the “Paula Deen Cruise” continues to stand by the embattled former Food Network personality amid popular demand.

Phyllis Loverdi, vice president of Fairfield, N.J.-based Alice Travel, tells The Hollywood Reporter that since Deen’s troubles began, fans have been calling the company and signing up for excursions in January 2014 and another one for the summer of that year, possibly in July, that were in the works pre-scandal. “Some want to go on both,” said Loverdi, adding: “Somebody said she would never go on a cruise and would go on this one with Paula.”

The Paula Deen Cruise is held on Royal Caribbean ships, and Deen remains aboard during each excursion, spending much time with guests, says Loverdi. The last cruise set sail in January with about 500 fans along for the ride. Loverdi said she expects about 1,000 in total for next year. Deen launched her cruise line in 2009.

Earlier this week, a rep for Royal Caribbean Ltd. told THR that the company “has never had a partnership or any formal association with Paula Deen. She has sailed with our brands a couple of times, but as host of group cruises, and each time, the groups were booked through a specific travel agency, not through Royal Caribbean.”

Meanwhile, Deen, 66, is watching her self-made empire crumble around her. In the past few days, many of her business partners have cut the culinary star loose after she admitted to having used the N-word (and other revelations) during a deposition in a discrimination lawsuit brought by a former restaurant employee. Last week, the Food Network said it would not renew her contract when it expires at the end of month. Then, on Monday, she lost her endorsement deal with pork company Smithfield, which for many years has sold a ham with Deen&rsquos name and face on it. After that, others followed: Walmart, Home Depot and Caesars Entertainment on Wednesday, hours after Deen’s tearful Hoje show interview Target and diabetes-drug maker Novo Nordisk on Thursday hanging in the balance are her deals with QVC, Sears and Kmart.

At the same time, sales of her forthcoming cookbook, Paula Deen&rsquos New Testament: 250 Favorite Recipes, All Lightened Up, have skyrocketed to the top of Amazon’s sales chart ahead of its October release. And several of Deen’s business partners issued letters of support this week, including Epicurean Butter and Sandridge Food Corporation.

During her sit-down with Matt Lauer, Deen emphatically denied charges of racism, saying: “If there’s anyone out there that has never said something that they wish they could take back, if you’re out there, please pick up that stone and throw it so hard at my head that it kills me. Por favor. I want to meet you.” She added: “I’m not changing — there’s someone evil out there who saw what I worked for and wanted it.”

When asked whether she knew the N-word was offensive to black people, Deen — seemingly unaware of the historical significance of the word — responded: “I don’t know. I have asked myself that so many times. It’s very distressing for me to go into kitchens and hear what these young people are calling each other. … I think for this problem to be worked on, these young people are gonna have to take control and start showing respect for each other.”


Paula Deen Fans Flock to Her Cruise to Show Support

The struggling TV chef will set sail with about 1,000 guests next year, says an executive at a New Jersey-based travel agency.

Erin Carlson

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

  • Share this article on Facebook
  • Share this article on Twitter
  • Share this article on Email
  • Show additional share options
  • Share this article on Print
  • Share this article on Comment
  • Share this article on Whatsapp
  • Share this article on Linkedin
  • Share this article on Reddit
  • Share this article on Pinit
  • Share this article on Tumblr

Where other Paula Deen sponsors are dropping like flies, a small travel agency in New Jersey that handles booking for the “Paula Deen Cruise” continues to stand by the embattled former Food Network personality amid popular demand.

Phyllis Loverdi, vice president of Fairfield, N.J.-based Alice Travel, tells The Hollywood Reporter that since Deen’s troubles began, fans have been calling the company and signing up for excursions in January 2014 and another one for the summer of that year, possibly in July, that were in the works pre-scandal. “Some want to go on both,” said Loverdi, adding: “Somebody said she would never go on a cruise and would go on this one with Paula.”

The Paula Deen Cruise is held on Royal Caribbean ships, and Deen remains aboard during each excursion, spending much time with guests, says Loverdi. The last cruise set sail in January with about 500 fans along for the ride. Loverdi said she expects about 1,000 in total for next year. Deen launched her cruise line in 2009.

Earlier this week, a rep for Royal Caribbean Ltd. told THR that the company “has never had a partnership or any formal association with Paula Deen. She has sailed with our brands a couple of times, but as host of group cruises, and each time, the groups were booked through a specific travel agency, not through Royal Caribbean.”

Meanwhile, Deen, 66, is watching her self-made empire crumble around her. In the past few days, many of her business partners have cut the culinary star loose after she admitted to having used the N-word (and other revelations) during a deposition in a discrimination lawsuit brought by a former restaurant employee. Last week, the Food Network said it would not renew her contract when it expires at the end of month. Then, on Monday, she lost her endorsement deal with pork company Smithfield, which for many years has sold a ham with Deen&rsquos name and face on it. After that, others followed: Walmart, Home Depot and Caesars Entertainment on Wednesday, hours after Deen’s tearful Hoje show interview Target and diabetes-drug maker Novo Nordisk on Thursday hanging in the balance are her deals with QVC, Sears and Kmart.

At the same time, sales of her forthcoming cookbook, Paula Deen&rsquos New Testament: 250 Favorite Recipes, All Lightened Up, have skyrocketed to the top of Amazon’s sales chart ahead of its October release. And several of Deen’s business partners issued letters of support this week, including Epicurean Butter and Sandridge Food Corporation.

During her sit-down with Matt Lauer, Deen emphatically denied charges of racism, saying: “If there’s anyone out there that has never said something that they wish they could take back, if you’re out there, please pick up that stone and throw it so hard at my head that it kills me. Por favor. I want to meet you.” She added: “I’m not changing — there’s someone evil out there who saw what I worked for and wanted it.”

When asked whether she knew the N-word was offensive to black people, Deen — seemingly unaware of the historical significance of the word — responded: “I don’t know. I have asked myself that so many times. It’s very distressing for me to go into kitchens and hear what these young people are calling each other. … I think for this problem to be worked on, these young people are gonna have to take control and start showing respect for each other.”